pra quando você acordar

por Bettina Bopp

Juntar o suco dos sonhos e encher um açude

kart 1

Você não vai acreditar, mas eu continuo tendo sonhos indecifráveis. E eles aumentaram a frequência com o tempo. Não digo daqueles sonhos que junto, num mesmo quarto de uma pousada, o meu mecânico, uma coordenadora da escola, a babá dos filhos do Fabio, um político conhecido, um morcego, um cachorro e eu. Esses são corriqueiros. Um pouco tensos, já que no meio do sonho percebo que preciso tomar banho, não tenho intimidade com aquelas pessoas, o banheiro não tem porta e o morcego e o cachorro estão dentro do box. Acho que com esses já me acostumei. Freud ainda não, mas eu já.

Falo dos sonhos que começo dormindo, acordo e continuo a história como se fosse real. Daqueles que tinha quando ainda morava no apartamento e sonhava que tocava o interfone e eu ficava nervosa – porque até em sonho o interfone tocar de madrugada não é boa coisa. Então eu acordava, vestia uma calça jeans, camiseta, meia, sapato e ia pra sala esperar a visita inesperada. Como nada acontecia, interfonava pro porteiro:

– Severino, você tocou aqui?

– Não, senhora!

– Tem alguém me procurando?

– Que eu saiba, não, senhora!

– Boa noite, Severino! – voltava pro quarto meio sem-jeito, colocava o pijama e dormia.

E lembra daquele sonho quando a Bruna tava meio doentinha e foi dormir comigo? No sonho, fui cobri-la com edredom e deixei cair no rosto dela um pote de tinta verde que estava na cabeceira. E então acordei achando que aquilo era real, levantei, fui até o banheiro, molhei uma toalha e comecei a limpá-la. Ela acordou assustada, com uma toalha gelada no rosto:

– O que foi, mãe?

– Calma, filha, você tá verde!

– V-E-R-D-E? Por que, mãe?

Nisso, me dei conta de que ela tava limpinha, a toalha tava limpinha e não tinha nenhum pote de tinta por perto.

– Dorme, filha, tá tudo bem!

Consigo sonhar assim que pego no sono. Uma noite dessas, tava assistindo televisão com a Maria, dormi e sonhei que no meu travesseiro tinham vários botões. Engasguei e acordei. A Maria ficou me olhando, esperando que eu dissesse alguma coisa. Acalmei-a dizendo que tinha engolido um botão. Agora me diz: que filho fica tranquilo quando a mãe acorda e diz que engoliu um botão?

Tenho também sonhos esotéricos. Outra noite sonhei com uma criatura enorme, toda preta, com uma luz retangular e verde na testa. Parecia o Predador daquele filme. Ele apareceu ao lado da minha cama e eu nem me assustei, porque era como se já estivesse tudo combinado. Ele balançou a cabeça afirmativamente e eu balancei a cabeça afirmativamente. A criatura desapareceu, eu levantei e saí pra procurar uma caixa que ela tinha deixado pra mim. Encontrei o Lucca no corredor e perguntei se ele tinha visto alguma caixa que tinham deixado pra mim. Ele perguntou se era de verdade ou eu tava sonhando. Acho que meus filhos já se acostumaram. Jung ainda não, mas eles já.

Desejos e sonhos se misturam na vida da gente. Sempre sonhei em ter filhos gêmeos. Achava lindo aquele carrinho duplo desde pequena. Brigava com vocês pelas frutas grudadas, porque no interior diziam que quem comesse teria filhos gêmeos. Quando começava a namorar alguém, queria logo saber se tinha gêmeos na família, já que na nossa não tinha. Era praticamente uma obsessão. No dia em que fiz ultrassom e soube que eram gêmeos, você me disse pra ter cuidado com meus sonhos, porque eu tinha a força pra realizá-los.

Também sonhei há muito tempo com uma imagem de Nossa Senhora toda branca. Procurei entre todas elas, mas cada uma tinha um manto pintado de uma cor. Então, comprei uma imagem no gesso, sem pintar. Desde o primeiro dia, quando tudo aconteceu, deixei essa imagem ao seu lado. Queria que ela protegesse você. Numa noite, sonhei que quebravam a cabeça da Nossa Senhora. Na manhã seguinte, fui pro hospital e o enfermeiro disse que tinha uma má e uma boa notícia. A primeira era que tinham quebrado a cabeça da Nossa Senhora branca e a outra que você sairia da UTI e iria pro quarto.

Tudo isso pra te dizer que:

a. Sonho muito com você. Muito mesmo. A grande maioria das vezes você está usando aquela camisa rosa clarinha, com as mangas dobradas. Sinto seu perfume e sinto você feliz.

b. Ainda penso no que você me disse: pra eu ter cuidado com meus sonhos, porque eu tinha força pra realizá-los.

c. Descobri que existe sim uma Nossa Senhora toda branca. É a Nossa Senhora da Esperança.

d. Nunca encontrei a caixa do Predador – mas na caixa de Pandora o que sobrou foi a esperança.

e. Esta semana o Schumacher acordou do coma. Há quase um mês, li uma crônica bonita, chamada “Heróis não adoecem”, do colunista Rica Perrone. Um trecho diz assim: “Schumacher vai nos deixando como uma volta com safety car, interminável, lenta, angustiante. (…) seria capaz de apostar que Michael está odiando seu final. Tanto, mas tanto que sonho que ele consiga adiá-lo. ‘Só um milagre’, dizem. Mas não é para isso que existem os super-heróis?”.

Sonhos, desejos, esperança e milagres. E não é pra isso que existem os super-heróis, Ita?

Anúncios

4 comentários em “Juntar o suco dos sonhos e encher um açude

  1. Bruna
    junho 22, 2014

    Uma festa enorme, que comporte esses muitos réveillons, natais e aniversários que passamos em suspenso. Música de várias épocas e bebida até de manhã. Todos de branco – inclusive a Nossa Senhora – e o Má de rosa.
    Ainda é sonho, mas vai ser realidade.
    Te amo!

    Curtido por 1 pessoa

  2. bettinabopp
    junho 22, 2014

    Não vale, Bubu, hoje to chorando com Finding Nemo! Te amo!

    Curtir

  3. lulicrespin
    junho 23, 2014

    A semana que passou escrevi que hoje tenho todos os sonhos do mundo
    E sinto que posso realiza-los
    Ita, os sonhos da Bê são de rolar de rir
    E ouvir ela conta-los é impagável
    Ela teve um na sua casa de Santiago e estávamos dormindo no mesmo quarto
    Ela levantou a cabeça virou para a cabeceira da cama e disse com uma voz quase infantil
    _ Oi amiguinhos!!
    Eu tive um silencioso ataque de riso e dei corda, respondi com uma voz fina
    _ Oiiiii
    Ela sorriu e olhou para mim e percebeu que estava sonhando e eu me divertindo muito
    Acho que nós todos nos unimos e nos amamos tanto pelo mesmo senso de humor, ironia e rapidez da piada
    E você sempre foi terrível Ita
    Sonhar com você não exatamente como você era, mas como é totalmente possível que você acorde hoje
    Faz do meu sonho mais real, mais perto de acontecer
    Sim, acredito que fé, determinação e amor podem tudo
    E um dia você vai mudar a ordem
    Estaremos acordados mas acharemos que estamos sonhando
    Porque você acordou
    ❤️

    Curtir

    • bettinabopp
      junho 23, 2014

      “Oi, quem são vocês?” e não “Oi, amiguinhos”, Lula! Eles ainda não eram meus amigos!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado em junho 22, 2014 por e marcado , , , , , , , , , , , .